Login
     
Peças de teatro
O Começo de São Paulo PDF Imprimir E-mail
Peça de Ruth Salles

Esta peça começa com os padres Nunes e Manuel da Nóbrega subindo de São Vicente para o planalto, guiados por André, filho de João Ramalho. Fala da atividade de cada um e também dos indígenas, terminando com a fundação de São Paulo. Uma das músicas consta da outra peça “Em Nossa Terra”. No fim, pode ser cantado o hino “Pelo Sinal da Cruz”, de F. de Chiara, com letra em tupi de José da Anchieta. Consta do livro 3 da coleção Teatro na Escola. Leia as orientações pedagógicas.

Sugerida para crianças de 10 anos.

Leia mais...
 
A Espada de Siegfried PDF Imprimir E-mail
Peça de Ruth Salles

Esta peça conta um trecho do mito germânico do herói Siegfried, de quando ele é educado pelo anão Regin (pronuncia-se Rêguin) e luta contra o dragão Fafnir para recuperar o tesouro dos anões. Por fim, ele liberta a donzela que dorme cercada pelo fogo. Esse mito tem a ver com o caminho do ser humano, que sai pela floresta do mundo, desenvolve sua mente (a cabeça grande do anão), domina seu lado emocional, suas paixões (o dragão), recuperando o tesouro dos anões, que são, na verdade, os conhecimentos acumulados pela mente. Só então ele pode ir ao encontro de sua alma, de sua essência verdadeira (a donzela). Nesse trecho da peça, os versos do trabalho dos anões são um exercício de dicção e também servem para desenvolver a vontade, na força das consoantes. Consta do livro 3 da coleção Teatro na Escola. Leia as orientações pedagógicas.

Sugerida para crianças de 10 anos.

Leia mais...
 
Terra Grande PDF Imprimir E-mail
Peça de Ruth Salles

“Terra Grande” é, na verdade, um jogral sobre a terra do Brasil, com vários coros falando sobre as diversas regiões: sobre a terra, os rios, a mata amazônica, o seringueiro, o castanheiro, o nordeste e o vaqueiro, o centro-oeste, o leste e o sul. Podem ser intercaladas algumas danças regionais, a critério do professor. Este jogral também serve como exercício de dicção e ensina palavras novas. No início, logo depois do Coro dos Viajantes, o Coro da Terra canta um recitativo. Consta do livro 4 da coleção Teatro na Escola. Leia as orientações pedagógicas.

Sugerida para crianças de 11 anos.

Leia mais...
 
Deméter e Perséfone PDF Imprimir E-mail
Peça de Ruth Salles   

Este é um coro grego, com bastante movimentação e leveza, que escrevi em versos hexâmetros. Ele fala do mito de Deméter, a mãe-terra que cuida das plantas quando tem sua filha Perséfone a seu lado, mas que descuida delas quando Perséfone é raptada pelo deus Hades e se vê obrigada a passar metade do ano no reino das sombras. Assim a mitologia grega nos fala da mudança das estações. Os versos da primeira estrofe do poema “Eu cantarei a Terra”, atribuído a Homero, e outros do trecho de uma ode de Horácio são cantados. Faz parte do livro 4 da coleção Teatro na Escola. Leia as orientações pedagógicas.

Sugerida para crianças de 11 anos.

Leia mais...
 
A Chama Sagrada PDF Imprimir E-mail
Peça adaptada por Ruth Salles

Esta peça, escrita em versos por Gottfried Richter, baseia-se numa das lendas cristãs da escritora sueca Selma Lagerlöf. A professora Mônica von Beckedorff fez a tradução literal, do alemão para o português. A partir dessa tradução, recriei os versos. A lenda, cheia de encanto e fantasia, se refere às aventuras de um cavaleiro cruzado. Consta do livro 5 da coleção Teatro na Escola. Leia as orientações pedagógicas.

Sugerida para jovens de 12 a 13 anos.

Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 Próximo > Fim >>

Página 3 de 4

Creative Commons 3.0

Você pode copiar, distribuir, exibir e executar os conteúdos desta página, mas não pode utilizá-los com finalidades comerciais, não pode alterar, transformar ou criar outra obra com base nesta, e deve dar sempre o crédito ao autor original.

Leia Mais